Home » Esporte » Futebol Brasileiro » Tropeço faz Flamengo precisar de empate na última rodada na Libertadores

Tropeço faz Flamengo precisar de empate na última rodada na Libertadores

Depois da derrota para a LDU, equipe brasileira precisa de um empate fora para garantir vaga nas oitavas e evitar mais uma eliminação precoce

A derrota de 2 a 1 para a LDU Quito, no Equador, nesta quarta-feira, 24, deixou a situação do Flamengo, que era tranquila, um pouco mais tensa para a última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. O time, que se classificaria com um empate no Equador, agora precisa empatar no Uruguai contra o Peñarol, equipe pela qual foi derrotado no último dia 3, no Maracanã, por 1 a 0.

Mesmo com o revés em Quito, o Flamengo foi beneficiado pela derrota de 3 a 1 do Peñarol na Bolívia, para o San José, último colocado da chave. Com isso, os brasileiros se mantiveram na primeira colocação, com nove pontos e seis de saldo de gols. Os uruguaios, também com nove pontos, têm dois de saldo de gols e, por isso, precisam vencer o Flamengo em 8 de maio para se garantirem na próxima fase sem depender de outros resultados. Para os brasileiros, basta um empate.

O Flamengo pode até se classificar em caso de derrota, mas dependeria também de um tropeço da LDU Quito, que recebe o San José, no Equador, também no dia 8. O time equatoriano estava em situação complicada, mas com o triunfo contra os brasileiros, chegou a sete pontos com zero de saldo de gols. Caso Flamengo e Peñarol empatem, o time equatoriano precisaria vencer os bolivianos por pelo menos dois gols de diferença para ter vaga na próxima fase.

Na história recente da Copa Libertadores, o Flamengo foi eliminado da fase de grupos em três ocasiões: 2012, 2014 e 2017. Na última temporada, avançou para as oitavas de final com a segunda colocação de sua chave, mas foi eliminado pelo Cruzeiro.

Outros brasileiros

Três brasileiros já garantiram vaga nas oitavas de final: Athletico-PR, Cruzeiro e Internacional, que lideram suas respectivas chaves. O Palmeiras joga nesta quinta-feira, 25, contra o Melgar, no Peru, e também garante vaga em caso de empate ou vitória.

O Grêmio vai para a última rodada precisando apenas de um empate contra a Unviersidad Católica, na Arena do Grêmio, para conseguir a vaga. Derrota elimina o time brasileiro.

O único clube brasileiro eliminado é o Atlético-MG, que ainda disputa contra o Zamora, na última rodada, o terceiro lugar da chave, que garante vaga para a Copa Sul-Americana.

Publicação: Redação Brasil (m)

Login

Perdeu sua senha?