Home » Brasil » Segurança » Polícia identifica assassinos de jovem morto em matagal no DF

Polícia identifica assassinos de jovem morto em matagal no DF

A PCDF concluiu as investigações e chegou a três nomes. A motivação teria sido uma ligação de Lucas Matheus à namorada de um dos autores

Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) identificou os assassinos de Lucas Matheus Machado da Silva, 20 anos (imagem em destaque). O rapaz foi dado como desaparecido em 7 de maio e teve seu corpo encontrado dois dias depois, em um matagal a 100 metros de uma parada de ônibus, na região conhecida como “Subida da Água de Coco”, no Paranoá. Os investigadores da 6ª Delegacia de Polícia identificaram como autores do crime Roberto Conceição Nascimento, 25, Elton Henrique Souza Freitas, 23, e sua companheira, uma adolescente de 17.

Segundo os policiais, os três teriam matado Lucas porque o jovem, portador de deficiência mental, ligou para a adolescente e teria se masturbado para que ela ouvisse. A garota relatou ter deixado o telefone no viva-voz, e tudo teria sido acompanhado por Elton e Roberto. Em razão disso, eles teriam resolvido matá-lo.

Para concretizar o crime, a adolescente atraiu Lucas para um local ermo, onde os três o agrediram, torturaram e mataram a golpes de faca. Imagens de câmeras de monitoramento da cidade mostram desde o encontro de Lucas com a adolescente até o momento em que o trio retorna, após cometer o homicídio.

A família registrou um boletim de ocorrência relatando o desaparecimento de Lucas. Nos relatos, foi informado que ele ia para a igreja. Porém, foi morto no caminho.

 

Redação Brasil (m)

Login

Perdeu sua senha?