Home » Aconteceu » Motorista é baleado na nuca e perde controle de ônibus durante assalto em Planaltina, no DF

Motorista é baleado na nuca e perde controle de ônibus durante assalto em Planaltina, no DF

Ele levou tiro porque recusou ordem de parar dos assaltantes, diz PM. Vítima foi encaminhada ao Hospital de Base.

Um motorista de ônibus foi baleado na nuca durante um assalto na noite de segunda-feira (8) em Planaltina, no Distrito Federal. Ele perdeu o controle do veículo, que foi parar em um matagal ao lado da DF-230, próximo a Arapoangas.

De acordo com a PM, Cleilton Vieira de Brito levou o tiro porque não aceitou a ordem de parar de um dos dois assaltantes. “No momento em que o motorista se recusou a parar, ele veio e efetuou dois disparos. O motorista desmaiou e foi para o mato”, afirmou o tenente Lúcio Barbosa.

“Os bombeiros chegaram rápido. A vítima foi levada ao Hospital de Planaltina. E nós, com cães e helicóptero, fizemos uma busca mas não localizamos [os assaltantes] ainda”, continuou o militar.

Segundo a PM, os dois ladrões parecem ser menores de idade. Eles embarcaram em um ponto de ônibus na BR-020 e levaram celulares e objetos de valor dos passageiros.

Ônibus que foi parar no matagal após motorista ser baleado na nuca — Foto: Reprodução/TV Globo

Ônibus que foi parar no matagal após motorista ser baleado na nuca — Foto: Reprodução/TV Globo

Uma moradora da região ajudou no socorro. “Estava achando que foi o pneu que tinha estourado, mas quando vi, estavam os cacos de vidro caídos na pista. Entrei no ônibus com um vizinho para socorrer os passageiros. Quando nós entramos ônibus tinha o motorista caído, baleado na cabeça”, afirmou.

Após dar entrada no Hospital do Paranoá, a vítima foi encaminhada em seguida para o Hospital de Base. Dos 25 passageiros que estavam no ônibus, dois foram atendidos no local e não precisaram ser encaminhados ao hospital.

Os peritos chegaram ao local do assalto por volta das 23h. Funcionários da empresa Piracicabana aguardam a perícia para recolher o veículo. Segundo a empresa, a região é considerada perigosa pelos motoristas.

Em nota, a Piracicabana informou que o motorista Kleiton Vieira está internado e passa bem. Ele está recebendo auxílio da empresa que lamentou profundamente o ato de violência.

Fonte G1

Publicação: Redação Brasil (m)

Login

Perdeu sua senha?