Home » Ciência » Natureza e Meio Ambiente » Gelo da Groenlândia derrete 4 vezes mais do que em 2003, diz pesquisa

Gelo da Groenlândia derrete 4 vezes mais do que em 2003, diz pesquisa

Degelo ocasionado pelo aquecimento global pode aumentar nível do mar

Washington – O gelo da Groenlândia está derretendo mais rápido do que os cientistas pensavam e, de fato, o ritmo se quadruplicou desde 2003, o que poderia acelerar o aumento do nível do mar, segundo uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira.

O estudo, que se debruça sobre os efeitos da mudança climática, foi publicado hoje pela revista “Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America”, conhecida pela sigla PNAS e que é divulgada semanalmente pela Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos.

Até agora, os cientistas tinham mostrado preocupação com o desaparecimento de gelo no sudeste e no nordeste da Groenlândia, onde ainda sobrevivem grandes glaciais dos quais se desprendem pedaços de gelo do tamanho de um iceberg que, depois, submergem no oceano Atlântico para derreter.

Agora, no entanto, os pesquisadores descobriram que, entre 2003 e 2013, a maior parte do gelo da Groenlândia se perdeu não no sudeste ou no nordeste da ilha, mas no sudoeste, onde praticamente não há geleiras.

Publicação: Redação Brasil (m)

Login

Perdeu sua senha?