Home » Educação » Carreira » Empoderamento, o que a palavra da “moda” significa no trabalho

Empoderamento, o que a palavra da “moda” significa no trabalho

” No universo do trabalho, o sentimento de empoderamento é resultado de uma atitude poderosa”, diz Sofia Esteves

Início de ano é sempre uma época propícia para se falar de produtividade, engajamento e em como desenvolver a carreira de forma plena não só para a empresa como também para o profissional. Então, aproveitando que estamos no momento ideal para essa conversa, eu quero perguntar para as empresas: o quanto vocês estão investindo no empoderamento de seus funcionários?

Embora essa palavra pareça ter entrado na moda, a verdade é que ela é muito mais simples do que pode parecer. No universo do trabalho, o sentimento de empoderamento é resultado de uma atitude poderosa: dar voz aos colaboradores. Quando os profissionais são ouvidos, quando suas ideias são levadas em consideração e eles sentem que, no ambiente de trabalho, podem ser os mais próximos de quem são de fato na sua vida pessoal, então, mais empoderados se sentem.

Uma pesquisa feita em culturas de baixo empoderamento detectou que apenas 4% dos funcionários diziam estarem dispostos a fazer aquele “algo mais” no trabalho para aumentar a produtividade. Em contrapartida, a mesma pesquisa foi feita em culturas de alto empoderamento e constatou que esse número subiu para 67%, ou seja, quando a empresa se preocupa claramente em envolver o profissional, envolver o time na sua estratégia, na tomada de decisão, a produtividade acompanha esse crescimento.

Cada vez mais é importante que as empresas ofereçam oportunidades para que o colaborador possa usar suas melhores habilidades, porque quando ela reconhece sua potencialidade, automaticamente está estimulando a identificação dos talentos de seus profissionais, além de manter o aprendizado contínuo do seu time.

Outro ponto vital para aumentar o nível de empoderamento dos colaboradores é ter um líder que inspire confiança. Nessa hora, nada mais positivo do que contar com lideranças de praticam exatamente o que falam. E lembre-se, em sua pesquisa global de CEOs, de 2016, a PwC informou que 55% dos CEOs acham que a falta de confiança é uma ameaça ao crescimento das organizações, portanto, investir no desenvolvimento da confiança pode ser o fator decisivo para a sobrevivência – ou não – do seu negócio.

Incorporar na cultura da sua empresa o espaço para o empoderamento dos colaboradores é de vital importância nas novas concepções do mercado de trabalho e nas grandes transformações pelas quais ele vem passando. Portanto, se essa ainda não é uma prática na sua organização, vale rever esse ponto e apostar em medidas possam aumentar o empoderamento de seus profissionais.

 

Publicação: Redação Brasil (m)
Tags

Login

Perdeu sua senha?