Home » Educação » Carreira » Como ser um executivo C-Level de sucesso

Como ser um executivo C-Level de sucesso

Liderança, inovação, estratégias de negócios, além de conhecimentos específicos, estão entre os temas a serem dominados por esses profissionais

C-Level e C-Suite são termos usados para designar coletivamente os executivos mais altos de uma companhia, como o CEO (diretor-geral), CMO (diretor de marketing) e COO (diretor de operações). Por estarem no topo do escalão das empresas, esses profissionais são considerados os mais influentes e os que possuem mais responsabilidade. Mas como desenvolver um trabalho de tamanho comprometimento?

Habilidade de liderança e conhecimento dos fundamentos do negócio são competências essenciais. Além disso, segundo pesquisa da Heidrick & Struggles, divulgada pela Harvard Business Review, é esperado que os executivos de alto escalão não só apoiem o CEO nas estratégias, mas contribuam com insights e decisões-chave para a empresa.

Segundo o estudo, não basta que esse profissional se destaque como um excelente técnico em seu campo de atuação. O CIO (diretor de tecnologia da informação), por exemplo, precisa saber como criar modelos de negócio, o CFO (diretor financeiro) deve ser capaz desenvolver estratégias de gerenciamento de risco, e o CHRO (diretor de recursos humanos), como projetar um plano de sucessão e uma estrutura de talentos que proporcione uma vantagem competitiva.

Mas como se preparar para as especificidades que um cargo C-Level exige se os profissionais de sucesso começam a se destacar quando exercem justamente as funções técnicas? Estudar é a resposta. O ideal é que o profissional escolha um curso que o capacite para tratar temas estratégicos com desenvoltura, atuar com segurança em desafios da sua organização e posicionar a leadership brand no seu contexto de atuação.

Assim, é possível ampliar a capacidade de influência e impacto, planejar e executar um plano individual de desenvolvimento tendo em vista os desafios atuais na carreira e objetivos de médio e longo prazo.

O conjunto de cursos de alta gestão da Fundação Getulio Vargas (FGV) permite que o executivo adquira essas capacidades necessárias para um bom desempenho. São três grandes eixos temáticos no programa C-Level FGV, com módulos autônomos que duram de dois a cinco dias: “Liderança e Inovação”, “Estratégias Corporativas e Negócios” e “Competências Funcionais”.

O enfoque é prático, com uso de casos orientados para superação de desafios. As discussões do programa são facilitadas por professores da instituição, palestras e apresentações de cases de convidados com experiência na atuação em C-Level.

Além do programa, a instituição oferece cursos sobre temas estratégicos que permitem um aprofundamento em assuntos mais específicos. Esse conjunto de experiências e atividades proporcionadas pela instituição permite que o executivo não só adquira as capacidades necessárias, como também aprenda a priorizar o que é relevante para o seu crescimento pessoal e profissional.

Publicação: Redação Brasil (m)

Login

Perdeu sua senha?